Protesto gratuito

EXECUT

Compartilhar:

A boa notícia é que instituições de ensino podem se aliar aos cartórios de protesto, por meio do Instituto de Protestos de Títulos do Brasil, Seção Paraíba, cujo presidente é o tabelião Germano Toscano. Isso, sem pagar pelo serviço, no sentido de recuperar dívidas de pessoas físicas inadimplentes, sem custos para os credores. Segundo Toscano, “as instituições educacionais podem procurar os cartórios de protesto das cidades onde estão instaladas, para firmar convênios, sem pagar qualquer tipo de emolumento, a não ser um valor irrisório pela taxa de administração do sistema, de forma que a dívida seja apresentada ao cartório”, relatou Toscano



Tags: abelardo, história, portal abelardo


Abelardo Indica


Instagram


Parceiros